Livros disponíveis na Amazon





Para Viver um grande amor de Helen Bianchin
Raking do livro
 3 3
Ranking Hot
Raking de calor
Votos: 36

Para Viver um grande amor

Baixar livros romances pdf

Storm Possession

Coleção Julia

, N° 40
Editora Abril , 1979
Sally não tinha outra escolha: casar com o rico e autoritário Luke Andretti e pôr fim nos problemas financeiros de seu pai... ou deixar que ele perdesse tudo, talvez até a vontade de viver. A proposta de Luke era séria, pois ele queria ter um filho com Sally, e ela não teve outra saída senão aceitar. Mas Luke não se comportava como quem tinha se casado por interesse e exigia dela uma entrega total. E o pior é que, por mais que Sally reagisse, seu corpo clamava por aqueles beijos ardentes e pelos braços fortes de Luke. A verdade é que ela o amava. Conseguiria engolir o seu orgulho e se declarar a ele?
94 pessoas querem ler este livro!
Listas com este livro

Outros livros com o mesmo assunto

1
Raking hot
0  Gostei

kk
1
Raking hot
0  Gostei

Esses alertas nos comentários são ótimos, pra mim são um serviço de utilidade pública. Valeu, meninas!
1
Raking hot
0  Gostei

Cruzes, o cara estuprou a mocinha? E tem gente que gostou, eu fora.
1
Raking hot
0  Gostei

Essa semana estou com o dedinho podre! É o segundo livro que leio com a mesma temática e por incrível que pareça é da mesma autora, parece que ela só mudou os nomes dos personagens de outro romance que comentei aqui: “Labirinto de Paixões”. Continuo achando o mesmo que achei do outro livro, não tolero nenhum tipo de violência, seja física ou psicológica, e tanto Luke Andretti quanto Manuel Delgado agrediram suas esposas entre outras coisas. Eu, jamais permitiria que um homem me colocasse nos joelhos pra me dar palmadas na bunda. Afinal de contas quem ele pensa que é? Meu pai, meu dono, meu tutor. Nunca perdoaria! Sem contar que no primeiro livro tinha uma rival e neste aqui são duas rivais!
1
Raking hot
2 Gostei

Não é ruim, apesar de muito previsível. Muitos clichês, muitas breguiçes como misturas o português (no original, inglês) com italiano. O mocinho é tipico "italiano", a mocinha tipica "inglesa" e "virgem" que "namora" mas não sente nada pelo namorado, casa com outro (mocinho) e descobre uma volúpia. É um recurso antigo e usado em muuuuuuuitos livros de romances de banca, mas é e sempre foi tão desnecessário casar para depois ele dizer que ama e se apaixonou pela mocinha desde que a viu. É tão besta, ou não? Não é o mocinho sempre "O CARA"? O conquistador? Não é capaz de conquistar uma simples mocinha virgem, já que quase todas ela são?.
« anterior [1] 2 3 4 5 próximo »
Comente livros de romance!
Senha: adororomances
Nome
Nota
Estilo
Use a tag [img] Coloque a URL da IMAGEM aqui [/img] para colocar gifs animados nos comentários.
Comentários
Goweb | Web Design, Web Marketing, Soluções Web
www.goweb.pt