Obsessão de Maya Banks
Raking do livro
 1 1
Ranking Hot
Raking de calor dos livros de romance
Votos: 27

Obsessão


Rush

Coleção Livraria

, nº 1
Editora Leya , 2013
PGabe, Jace e Ash são três dos homens mais ricos e poderosos do país. Eles estão acostumados a conquistar tudo o que querem. Tudo. Para Gabe, tudo significa realizar uma fantasia particular com uma mulher que era um fruto proibido - e que agora está pronta para ser colhida... Quando Gabe Hamilton viu Mia Crestwell entrar no salão na inauguração de seu hotel, sabia que iria para o inferno pelo que tinha planejado. Afinal, Mia é irmã de seu melhor amigo. Contudo, não é mais uma menininha. E Gabe já esperou muito tempo para colocar seus desejos em prática. Gabe já fez parte das fantasias de Mia há muito tempo, desde que era apenas uma adolescente com uma "paixonite" pelo
216 pessoas querem ler este livro!
Listas com este livro

Outros livros com o mesmo assunto

5
Raking hot
1 Gostei  

Perfeito!!! Melhor que 50 tons!

1
Raking hot
3 Gostei  

O que dizer desse livro?!Foi c/esforço que terminei!!!Achei a mocinha forte,de personalidade e sem mimi p/esse estilo de livro,ela entrou sabendo onde estava se metendo e keria isso,pois ele era sua paixão de adolescente,e estava disposta a td c/ele.Apesar das reservas iniciais de td que ela lê no bendito contrato(sim,tem um contrato,te lembra alguma coisa?!),ela vai fundo nessa relação intensa.Ele não me convenceu mt,ao contrário dos mocinhos desse estilo,ele não tem traumas que dirigem suas op

1
Raking hot
0  Gostei  

opções sexuais,ele gosta desse tipo de relação e ponto!Não sei se já to meio enjoada desse estilo de livro,li 50 Tons e gostei bastante(tirando o 1º),mas quase abandonei o livro na cena de Paris (quem leu sabe do que to falando).Aquilo foi frio e abusivo demais,e a justificativa de que se descobriu apaixonado e ñ tinha coragem de assumir foi a justificativa mais tosca que já vi,quem ama ñ coloca o ser amado naquela posição!Sei lá ,não curti!

1
Raking hot
0  Gostei  

Não li este livro exatamente por causa dessa cena que não conheço, mas que todo mundo comenta no fórum em inglês. Dizem que o segundo liro é BEM MELHOR do que o primeiro ( pelo jeito isso é rotina). Luciana Zetun

1
Raking hot
0  Gostei  

Pois é,se soubesse tb ñ teria lido rs!Mas comecei sem ler resenhas dele antes,só alguns comentários,e ñ sabia,terminei pq sou teimosa haha!Acho que os outros deva ser melhor mesmo,o Jace(irmão) tem um "quê" de reservado e misterioro que pode ser legal ,e o Ash (o outro amigo) promete tb!Mas acho que ñ vou continuar a série não,definitivamente não me empolquei!Em 50 tons tem esse lado pervertido,mas tem romance e vc vê amor na relação dos dois,achei mt vazio esse aki!melhor voltar para os florzin

1
Raking hot
0  Gostei  

comecei ler e parei, é uma literatura nojenta, por favor meninas não desrespeitando quem gosta, mas não faz o meu estilo não se pode chamar de romance, é algo devasso o mocinho parece um doente não respeita a mocinha e ela se deixa levar pelas vontades dele, resumindo ele não a respeita e ela também não respeita a si propria

1
Raking hot
0  Gostei  

Maya Banks tem livros bons, pena que ela "apela". Mas a série The Kelly Group International (KGI). É muito boa, deviam ter publicado ela em vez desse livro. bua

1
Raking hot
0  Gostei  

Pois é ,nesse ela realmente apelou c/td que tinha direito!Mt forte!Vou precisar de uma dose de florzinha na veia pra me recuperar!

1
Raking hot
0  Gostei  

Nossa que livro mais nojento como alguém pode gostar de uma coisa dessas...os protagonistas nãop se respeitam principalmente a mulher que se submete a um situação completamente absurda que nem quero comentat para não chocar ninguém...

1
Raking hot
0  Gostei  

Fico muito preocupada que tipo de liteatura como esses estejam a disposisão de adolescentes de 14, 15 anos My god...é estarreçedor.

1
Raking hot
0  Gostei  

Hummm sei exatamente a que cena a Maya está se referindo é repugnate mesmo e olha que já li muita coisa pesada não recomendo pois achei que a autora foi muito apelativa.

1
Raking hot
0  Gostei  

Que horror!! como ela se prestou a isso???? Foi pior q um livro q li onde a "mocinha" transa com o cachorro do "mocinho"

1
Raking hot
0  Gostei  

Que nojo!!!!!

1
Raking hot
1 Gostei  

Foi o pior livro que já li na vida, nem sei como aguentei chegar até o fim! O "mocinho" é um babaca, que nem pode ser chamado de pervertido (pois isso seria um elogio pra ele), ele é doente isso sim! Que nojo dele e dela! Garota idiota, estúpida, imbecil, sem um pingo de amor-próprio, auto-estima zero! Sinceramente várias passagens me deram nojo e vontade de vomitar, raiva da garota que se sujeita a tudo, se humilha, é tratada feito lixo, abusada de todas as formas e ainda tem pena do cara, gost

1
Raking hot
0  Gostei  

Não sou puritana nem nada, mas esse livro apelou total, não tem como se excitar e nem sentir tesão por nada. O cara é um doente (no pior sentido) e a garota é uma retardada, que aceita qq coisa, qq abuso e violação pra agradá-lo. Achei deprimente e nojento, o tipo de coisa que só incentiva a depreciação da figura feminina e a violência contra a mulher...LIXO!

1
Raking hot
0  Gostei  

meninas, o que é que acontece nessa parte de Paris? Só não leio o livro por causa das descrições dessa parte...rs

1
Raking hot
0  Gostei  

Eu estou lendo esse livro no momento e não acho bacana contarem os detalhes; se quiserem, contem. Estou apenas dando a minha opinião. Eu, bem como a maioria das pessoas que converso sobre isso, gosta de sentir a surpresa na hora, no ato da leitura. E também o fato de outras pessoas não gostarem de um romance,isso não significa ou determina que não iremos gostar. Acontece muito de várias pessoas votarem em perfeito, amarem um livro e eu achá-lo péssimo e vice-versa. O legal é lermos e tirarmos

1
Raking hot
0  Gostei  

nossas próprias conclusões, cada um tem uma visão diferente; felizmente =)

1
Raking hot
0  Gostei  

Meninas, não precisa contar nada, é bom que assim não atrapalha a leitura de quem não gosta de ter partes reveladas. baixei a versão em inglês e li o livro, meio "por cima", e cheguei nessa passagem específica, vou ler até o fim pq sou guerreira, mas do que vi até agora esse livro não tem nada de romance...

1
Raking hot
0  Gostei  

Li esse livro e achei horrivel, a tão falada cena de Paris sem comentários... fiquei indignada não sei onde essas escritoras vão parar depois dessa onda de romances BDSM, mas resolvi dá outro créditoa ela e li outro livro dela pois não gosto de condenar o autor apenas por uma obra...

1
Raking hot
0  Gostei  

Então baixei um chamadoo de Doce Tentação, repulsivo na minha opinão imaginem qure tem uma cena onde a mocinha transa com quatro caras "de todas as formas" aceita ser chicoteada, queimada e por ai vai, não que eu tenha nada contra a quem curte essas práticas mas como sempre a mulher se submete a essas experência por amor ou para tentar curar algum trauma do mocinho como no caso desse.

1
Raking hot
0  Gostei  

Marina querida,tudo bem,eu entendo e respeito quem não gosta de spoiller,eu gosto,mas é compreensível que algumas pessoas não gostem. Meninas, o livro é bem ruim, na minha opinião,sexo e muita humilhação apenas, quem gosta de estilos diferentes pode se identificar. Vcs já ouviram falar de um livro chamado A escolha de Marly? olha, me decepcionou tanto qt este, a mulher transa com o mocinho e seus 2 irmãos ao mesmo tempo, fiquei chocada!rsrsr. Bjs

1
Raking hot
2 Gostei  

É,não rolou. Em relação ao BDSM, cada um tem suas preferências sexuais - pratica quem gosta, quem sente prazer - e isso deve ser respeitado. A questão é que não achei o livro excitante e sim, chato e cansativo. Em certos momentos a leitura me dava sono. Já li vários outros do gênero bem mais quentes. O ciúme exagerado e possessivo me incomodou bastante e não é nada saudável em qualquer relação. E não consigo sentir tesão por um cara que quer se mostrar tão dominador e ao mesmo tempo é extremamen

1
Raking hot
0  Gostei  

é extremamente inseguro, dependente e carente como um cão sem dono; é a confusão em pessoa; nada atraente. Em outras palavras, achei o Gabe um prego, um mala sem alça total. Leva um pontinho, por alguns raros momentos interessantes.

1
Raking hot
0  Gostei  

link

http://pt.scribd.com/doc/APAGAR145748641/Obsessao-Maya-Banks
1
Raking hot
0  Gostei  

Vi tantos comentários aqui sobre esse livro que resolvi ler,e também as insinuações sobre o que se passou em Paris,me deixaram extremamente curiosa,não resisto,eu tinha que saber o que era kkkkkkkk. Realmente,a autora pegou carona nos 50 tons,mas embora a Maya Banks,seja bem mais articulada na escrita,ela não me passou amor na relação do Gabe com a Mia,sinceramente eu vi muito tesão,mas amor, não.

1
Raking hot
0  Gostei  

O livro é sem dúvidas muito erótico,para falar a verdade acho até que a autora exagerou na dose,ela destacou tanto a parte sexual da relação que não restou espaço para o amor.E como todas sabemos um romance pra ser envolvente tem que ter amor em sua essência.O livro é erótico? Sim É romântico? Não.E o lance de Paris,foi brochante,estou citando esse momento aqui,pois foi a curiosidade para ver o que era que me levou a ler o livro kkkkk

1
Raking hot
0  Gostei  

Valkiriaaaaaaaaaaa, kkkkkkkkkk. Menina o livro foi mais polêmico até que o 50 tons! Claro que fiquei curiosa, e somente por causa de algo que ocorreu em Paris. Fiquei chocada! Não li o livro, só a tal parte... Brochante mesmo! Christian Gray depois desse Gabe é um "anjo de candura"! kkkk. Não lerei mesmo! Bjs amiga! Saudades!

1
Raking hot
0  Gostei  

Zéliaaaaaaaaaaaaa amada,eu tinha que ler,eu não sossego kkkkkkkkkkk O Cinzento realmente me passou mais empolgação,mesmo com a escrita pobre da autora bjssssssssss,saudades também amiga!

1
Raking hot
0  Gostei  

Zélia realmente a E.L. James,foi uma felizarda ao criar o Grey,ela conseguiu a proeza de destacar o amor mesmo com todos os tons de cinza do livro. Eu tenho uma tia,que vive chamando o marido de ¨meu cinzento¨kkkkkkk

1
Raking hot
0  Gostei  

kkkkkkkkkkkkkk, sua tia é sapeca viu?!

1
Raking hot
0  Gostei  

Olá Zélia, é um prazer falar com vc. Creio que vc é matrimônio imaterial do site.kkkkk

1
Raking hot
0  Gostei  

Sobre o comentário da Valkiria, concordo plenamento, o livro(50 Tons) tem lá suas particularidade, porém identificamos o sentimento do casal. Quanto a esse polêmico livro (Obssessão)... não curiosidade de lê-lo.

1
Raking hot
0  Gostei  

Zélia, desculpe a escrita, é patrimônio imaterial.

1
Raking hot
0  Gostei  

Oi Ana Carla! Nossa que fofa você! Então sou patrimônio do site? Menina, e eu achando que ele era patrimônio meu! kkk. Brincadeiras a parte, a relação com esse site é intensa e adoro estar aqui. Adoro romances mesmo, e falar deles para minhas amigas daqui é bom demais, assim como adoro ler a resenha de vocês, "pescar e comer um peixão" quando o livro é válido! Obrigada! Um abraço querida!

4
Raking hot
0  Gostei  

muito, mais não dá pra comparar Gabe com Cristian, né?

www.sribd.com/doc/145748641/Obsessao-Maya-Banks
1
Raking hot
1 Gostei  

Gente a literatura BDSM, é totalmente diferente de romances, até porque rola muita baixaria,(menage,zoo,torturas), a realidade do BDSM é nojenta, não dá pra comparar com um romance por mais picante que seja

1
Raking hot
0  Gostei  

Apesar de não ter gostado muito desse livro(e isto não se estende à autora,pois curto Maya Banks)dei um ponto,isto é:li melhores,estou curiosa para conferir os outros da série, que são: Fever(Delírio)- Jace Crestwell e Burn(Fogo)- Ash McIntyre.

1
Raking hot
0  Gostei  

Meninas outra trilogia boa da Maya, e concordo com a Marina que a Maya é muito boa, é No Amor e na Guerra. É o tipo de livro que a grande maioria gosta, romance, brigas, separações, mas muito amor e nada do diferente que a gente costuma estranhar, rss.

1
Raking hot
0  Gostei  

Zélia Querida, vou seguir sua sugestão... Porque pelos comentários desse livro (Obsessão) fique chocada!!!

1
Raking hot
0  Gostei  

Sou totalmente contra a Zoofília...

1
Raking hot
0  Gostei  

aff custa colocar a tal cena de paris ? Rsrs e so escrever SPOILER e pronto... Tdo bem tdo bem masss respeitando quem vai ler... A curiosa aqui vai procurar no google

1
Raking hot
0  Gostei  

SPOILERRRRRRR: o tal cabra da peste coloca a pobre pra ser "degustada" por um monte de amigo, ela apanha igual cachorra de rua e ainda sangra, e o canalha olhando, pois ele tem essa mania direto, af! Só não deixa terminar a safadeza pois ele se arrepende, safado!

1
Raking hot
0  Gostei  

não... só um pouquinho... ñ é bem assim q acontece... a tal mocinha... de pobre ñ tem nada... ela ñ esconde dele q sente vontade de estar com ele e outro juntos... SIM!!! isso fica claro no livro... ele realmente pega pesado, manda ela ficar nua, amarra ela, e deixa os outros caras entrar no quarto... é forte imaginar a cena... mas... ela ñ tava apavorada... nem de longe!!! tava excitada... aff... na verdade ela é tão pervertida quanto ele... bom... seguindo...

1
Raking hot
0  Gostei  

ele faz sexo oral com ela... na frente de todos os outros... e depois coloca ela em cima de uma mesa... e fala para os "amigos" que eles podem tocar nela... acariciar... mas pra manter as braguilhas fechadas!!! mas... as coisas fogem do controle... pois enquanto ele vira as costas pra cena dos caras em volta dela... um deles abre o ziper e tentar colocar o p... na boca dela.. ela reage, grita por ele... e o tal "amigo" bate nela... ele corre todos do quarto... e se sente culpado... é essa é a gr

1
Raking hot
0  Gostei  

continuando... ESSA É A GRANDE CENA DE PARIS!!!! juntar dois pervertidos, dá nisso!!!! rsrsrs boa leitura meninas...

1
Raking hot
1 Gostei  

Talvez ela até tivesse vontade mas quando a coisa realmente aconteçe a ídeia que nos passa é que ela fica totalmente apavorada como se estivesse sendo violentada, acho que ela confiou no mocinho achando que ele não seria capaz de fazer o que fez.

1
Raking hot
1 Gostei  

Nao teria coragem de ler nunca, uma coisa e romance outra e pornografia

1
Raking hot
1 Gostei  

Realmente, os contos eróticos dessa autora são muito fortes.As cenas de Ménage (sexo grupal)são frequentes em seus livros (eróticos). Porém ela publica outra séria(sugerida pela Zélia na mensagem acima que são ótimas). Espero que vcs aprecie o trabalho da autora.

3
Raking hot
0  Gostei  

acabei de ler o segundo Fever. É forte tb mas é romântico.Choca mas até que é "fofo"

1
Raking hot
0  Gostei  

Confesso que li só por curiosidade da cena de Paris. KKK Bem feito pra mocinha, quem mandou deixar. Mas no geral , eu gostei do livro, pq ele ficou louco por ela. bjs

1
Raking hot
0  Gostei  

Meninas,eu tava doida pra comentar uma coisa e não podia,mas já que deram abertura pros spoiler vou falar: Na hora que vi a cena de Paris,pensei,o Gabe entregou a Mia de bandeja( literalmente),para os outros caras.Na verdade,quando ele fez isso acabou com o meu tesão na história,que podia muito bem ter seguido adiante sem aquela cena grotesca

1
Raking hot
1 Gostei  

Nesse livro a autora copia aquela história de contrato que já conheçemos em 50 tons...por mais que seja só na ficção não sei se na realidade essa onda já pegou não consigo gostar de um tipo de história como essa onde a mulher se permite ser tratada como uma mercadoria dando ao homem plenos poderes sobre ela acho uma regressão e uma afronta contra a dignidade da mulher.

1
Raking hot
0  Gostei  

Paty,você já percebeu como depois da lei Maria da Penha,tão explorando na literatura mulheres apanhando? Coloca-se um cara rico,que tem como prazer dar palmadas nas mulheres e elas,mesmo sentindo dor tem que dizer que tá gostoso,como você falou, tamos regredindo

1
Raking hot
1 Gostei  

Pois é Wal e o que é mais intrigante é que pra mascarar a estão colocando como literatura BDSM o que não tem nada haver pois as protagonistas geralmente não gostam mas se submetem pq estão apaixonadas e acham que podem mudar o cara o que é um absurdo aceitar se espancada, abusada e tudo mais "por amor."

1
Raking hot
0  Gostei  

Nesse aí o mocinho além de tudo foi desleal e cafageste pois a mocinha já havia dito pra ele que não aceitaria ser compartilhada por outros simplesmente por capricho dele... mas ele descumpriu o acôrdo e colocou-a naquela situação.

1
Raking hot
1 Gostei  

Meninas,que discussão acirrada esse livro levantou, hein?! Agora fiquei curiosa, preciso ler para tirar minhas próprias conclusões. Mas confesso que a última vez que me choquei e senti nojo de um fetiche ou tara sexual foi quando descobri o " VAMPIRISMO". Então logo recebi outra carga de repugnância ao tomar conhecimento da versão sofisticada dessa tara, o "RAIBOW KISSING", onde o cara, após ejacular na parceira que está menstruada, manda no sexo oral e além de seu sangue, se lambuza em seu sême

1
Raking hot
0  Gostei  

sêmen e a beija docemente. Nojento para vocês? E os que curtem excremento no sexo, alguns até ingerem fezes, outros vômitos, gostam de urina no peito, na boca. Tem nojeira que não acaba mais. Mas tudo isso faz parte de nossa sexualidade humana, é muito chocante e repugnante, seria ótimo que nos poupassem dessa realidade nos romances, mas é melhor saber dessas coisas em livros do que com nossos namorados, não é? Sou a favor de esbarrar em temas fortes na literatura porque eles nos forçam a tomar

1
Raking hot
0  Gostei  

uma posição, a enxergar que essas realidades não estão tão distantes de nós.E vamos combinar, fantasiar com sexo é uma coisa, o problema é quando a fantasia vira pratica real.As reações podem ser completamente diferentes! Por isso quero ler e comprovar se não havia mesmo amor e romance por trás de toda essa sexualidade perturbada que vocês descreveram aqui, rsrs. Beijos para todas! Ana Carla, obrigada pelo outro livro, um beijo p/ você também.

1
Raking hot
0  Gostei  

Meninas,talvez eu seja careta,não sei mas a meu ver depois que inventaram esse novo ABC,que é intitulado por BDSM,me choco cada vez mais com as descrições do que o ser humano pode chegar ao ponto de fazer,para satisfazer anseios,que acredito eu nunca conseguem realmente o objetivo de trazer felicidade.

1
Raking hot
0  Gostei  

Fico imaginando essas pobres criaturas,quando terminam uma relação doentia dessas,o que será que sobra de humano nelas hem? Não critico quem gosta,só não consigo entender,onde está,a graça nessas coisas.bjsssss,bom fim de semana para todas.

1
Raking hot
0  Gostei  

Ana Carla e Paty só agora vi o comentário de vocês meninas.É Ana,o 50 tons tá cada vez mais suave depois dos que estão vindo após ele kkkkk e Paty,concordo contigo.bjssssssss

1
Raking hot
0  Gostei  

Esse tópico ta me dando náusea já kkkkkkkkk

1
Raking hot
0  Gostei  

Minha querida Valkiria, você chegou ao âmago de toda essa discussão. Mas vou inverter a sua pergunta: e se, após essa relação doentia que você descreveu, o que sobrar nessas pessoas for o que faz delas autênticos seres humanos? Pessoas que buscam sua satisfação a qualquer preço não precisam ser entendidas, seria angustiante demais tentar entender. Pense nelas como um sintoma.

1
Raking hot
1 Gostei  

Um sintoma que mostra que a humanidade adoeceu gravemente e há muito tempo. Nossa repulsa deve recair sobre a doença, não nas pessoas.Nós vivemos uma "WALKING DEAD" com zumbins emocionais por toda a parte e a única cura para essa doença é o AMOR. Por isso buscamos essa emoção tão sublime e restauradora, mesmo que seja lendo um romance. E como os personagens da série, só nos resta seguir nossas vidas nos desviando desses zumbis, em suma, sobrevivendo apesar deles estarem entre nós.Bjs.

1
Raking hot
0  Gostei  

AMEI SEU COMENTÁRIO, BROOKE.

1
Raking hot
0  Gostei  

Querida Brooke e desde quando usar as pessoas como escravas com contrato de propriedade e sei lá que esquisitices tem a ver com AMOR? acho que são pessoas que precisam ser tratadas e quem dera o amor curasse mentes pertubadas psicóticas como essas, mas enfim vivemos numa democracia e todas as opiniões devem ser respeitadas.

1
Raking hot
0  Gostei  

Nos romances sim tudo acaba bem e amor triunfa mas na realidade a coisa é bem diferente pois essas pessoas opressoras quando são contrariadas são violentas, perigosas e podem até matar as estatísticas estão aí é só ler os noticiários.

1
Raking hot
0  Gostei  

Meninas, todas estão corretas e convictas do que acreditam, a democracia nos possibilita isso. Então todas as opiniões são válidas e alvo de debates e indagações, o que não podemos jamais é perder nossa essência. É ela que nos faz ser o que somos e não o que querem que sejamos, por isso, essa "OBSESSÃO" com o que destoa, nos surpreende mesmo. Bjs a todas!

1
Raking hot
1 Gostei  

Lí depois de tantos comentários quis ter minha opinião a respeito, bem o mocinho era mesmo obsessivo pois desde que ela era uma adolescente ele já planejava um tipo de relacionamento pesado, esperou ela ficar mais velha para pôr o plano em prática se aproveitando da atração que ela sentia por ele... a tal cena polêmica deixa mais claro aínda que ele não a respeitava e ela tb não respeitava a sim mesma pois deu total controle de sua vida a ele pareçe que agora isso virou moda.

1
Raking hot
0  Gostei  

Como alguém comentou aqui no romaance tudo acaba bem mas acho perigoso as mulheres pensarem que na realidade alguém obsessivo irá mudar por causa do amor, provavelmente quando a mulher resolvesse deixa-lo se tornaria uma pessoa bastante perigosa pois se considera realmente dona do outro

1
Raking hot
0  Gostei  

... Se considera dono

2
Raking hot
0  Gostei  

Minhas queridas, enfim, terminei “Obsessão”. Para mim esse livro fala de 2 pessoas (mal resolvidas) que embarcaram em uma relação baseada puramente em uma forte e obsessiva atração sexual. Aos poucos, os 2 foram se autoconhecendo, e avaliando seus interesses reais na relação que tinham. O Gabe, um escrupuloso “meia-boca”, chegou a me lembrar aquele albino do Dan Brown, rsr. Quanta culpa, remorso e arrependimento pelo que proporcionava a Mia desde o inicio e que culminou com o acontecimento já co

2
Raking hot
0  Gostei  

comentado em Paris. Gabe chegou a sentir desprezo por si mesmo e desejo de se transformar em um homem melhor para ela ainda no meio da trama. Seria esse o “germe” do amor? E a Mia, uma desmiolada que classifico como “ Alice no país do Hedonismo”, tão fixada em suas fantasias de adolescente que começou a se incomodar apenas quando percebeu que afinal agora era uma mulher e que suas necessidades tinham evoluído também. Sexo puro e simples, (ainda que de péssima qualidade, na minha opinião) deixou

2
Raking hot
0  Gostei  

de ser o suficiente. Este é meu 1º livro da Maya Banks, achei sua escrita fácil e fluente para ler, mas as cenas “hot” me descreveram um amante muito ruim, e não falo apenas de suas extravagâncias, não. Em algumas cenas a autora me sugeriu até que ele sofria de uma disfunção erétil esporádica, será que alguém mais teve essa impressão? rsrs. E a Mia imaginando que o homem era um fogo só. Apesar de tudo, não vi nada de realmente perverso no Gabe, ele era sim muito confuso e a Mia uma deslumbrada que só parou quando a brincadeira começou a ultrapassar o mau gosto!

2
Raking hot
0  Gostei  

Acho que todas nós temos um modo infalível, instintivo mesmo, de avaliar se o romance entre os mocinhos na historia que lemos nos convenceu. Geralmente queremos ser a heroína quando nos identificamos com ela na trama, ou queremos o herói para nós quando a trama é muito boa, mas a garota é submissa ou sofreu demais. Pois é, eu não quero ser a Mia e não quero o Gabe para mim, de jeito nenhum! Meu conselho é: Se você tem uma lista para ler, não coloque esse livro no topo. Aproveitando os comentários, também sou muito a favor da liberdade que a democracia confere a todas as pessoas de expressar o

1
Raking hot
1 Gostei  

o que pensam desde que não ofendam ninguém. E quero celebrar também a liberdade de interpretação dos comentários aqui neste site incrível , pois foi algo com que me surpreendi! Porém, como parece que não me fiz entender com meu aparte em um comentário de uma das colegas acima, peço a gentileza de todas para usar de um tradutor: Quando me referi a serie “ THE WALKING DEAD” quis dizer que, as pessoas que praticam sexo extremo, e os perversos que circulam no submundo BDSM, são como zumbis emocionais exatamente porque canibalizam dignidade,respeito e amor-próprio com sua práticas e seus jogos de humilhações. Como os zumbis canibalizam a carne dos que ainda são humanos na série. Desviar-se desses zumbis, sobreviver a eles, não significa de modo algum envolver-se neste universo, ou tentar

1
Raking hot
0  Gostei  

resgatar algum perverso de sua tara, mas exatamente o contrário. Reconhecer que existem é o alerta para fugir quando um desses zumbis cruzarem o nosso caminho, já que o risco mínimo desse envolvimento é a mutilação emocional e o risco máximo é literalmente a morte física! Acredito sim, na força propulsora do AMOR, um sentimento divino que tudo CURA, e com poder suficiente para restaurar as “RELAÇÕES HUMANAS”, cada dia mais deterioradas, “ ADOECIDAS” pela ditadura do que está na “moda”. Por isso gostei tanto do comentário que fiz o aparte. Precisamos mesmo continuar “caretas” pelo bem da humanidade. Mas sem deixar de enxergar que, independente do que façamos enquanto raça humana, continuamos “gente”. Enquanto as pessoas persistirem em sua busca por alguém especial, vivendo relações onde

1
Raking hot
0  Gostei  

onde exista envolvimento emocional, romance, compromisso e entrega, onde o sexo seja vivenciado como um encontro físico e espiritual, acredito (na minha humilde ingenuidade), que estaremos a salvo. Foi isso que quis dizer no outro comentário e repito agora de forma mais clara, mas sem jamais desmerecer as opiniões que aqui circulam. Queridíssimas, todas as opiniões são muito importantes, pois a interpretação pode levar a algo diferente do que se quis dizer com o comentário.

1
Raking hot
0  Gostei  

A literatura nos dá um parâmetro interessante por isso, para mim o que a maioria dos comentários deste livro sugeriu é que não pode haver amor e romance onde o sexo é tão banalizado e descrito de um modo cru. Enquanto houver público para os romances convencionais me sentirei segura! E ao mesmo tempo, buscarei informações importantes nos “barra pesada” como uma estratégia desesperada de sobrevivência. Beijos a todas e por favor, fujaaaam dos zumbis.Eles são canibais!!! Querida Cris, espero que você leia isso, um beijo para você também.

1
Raking hot
0  Gostei  

Brooke,eu não quis responder seu comentário antes,pois resolvi aguardar você ler o livro e expressar sua opinião no que acontece no livro. Bom ,como você se dirigiu diretamente a mim, antes vou lhe responder agora: Em momento algum eu me senti ofendida com o seu aparte,li tudinho e vi que você está mais informada sobre o BDSM do que eu,talvez porque eu sempre,evito ler livros referentes a esse tema. NÃO por preconceito ,mas como geralmente eles citam muito sobre dor física,eu evito ,inclusive filmes e fotos,não me sinto bem vendo entende? Parece até que quem está sentindo a dor sou eu kkkkk

1
Raking hot
0  Gostei  

Mas eu entendi o seu aparte,e de certa forma concordo com você,pois Jesus disse que o Homem não é permanentemente mau,ele está mau em alguns momentos ,mais sempre caminhamos para a evolução e um dia ficaremos todos Bons.bjsssss

1
Raking hot
0  Gostei  

Valkíria, minha flor, perdão mais uma vez, mas escrevi mesmo para esclarecer o que parece ter confundido as pessoas que escreveram depois de mim, leia ali os comentários! Você é uma das mais sábias aqui, pois teve coragem de expor claramente o que só consegui ver nas entrelinhas dos outros comentários e respondi por impulso, sei que nunca me expresso bem quando escrevo pouco, mas quem vai ler um livro para ler outro com um comentário? Kkkk.

1
Raking hot
1 Gostei  

Quem é que sabe no que consiste a nossa condição humana? Nem a ciência consegue responder a isso. O que sabemos é que a depravação, a perversão, a busca pela satisfação a qualquer preço só existe em uma única raça de animais e é a nossa. Acho que isso nos dá muito medo. Eu pelo menos, acho que o desconforto que sinto é medo. Medo de que a humanidade esteja caminhando para isso. Quando olhamos para essas coisas, vemos algo tão repugnante que, mesmo se não a praticamos, já estamos embarcando. “Adoecemos “, ainda que de um modo diferente, apenas por olhar. Talvez por isso seja tão doloroso para muitos, e eu me incluo nesse grupo, saber que os seres humanos descem mais baixo que qualquer outro animal.

1
Raking hot
1 Gostei  

Então precisamos nos agarrar a algo sadio e a meu ver, essa tábua de salvação é tentar separar a doença ( a perversão, a depravação) das pessoas que adoeceram , seja lá por qual motivo aconteceu esse adoecimento. Para mim, retirar a humanidade de outra pessoa, por pior que seja o seu ato, é atestar que ela conseguiu nos adoecer também. Também sou cristã e acho que foi isso que nosso Mestre ensinou quando disse "EU VENCI O MUNDO". Um beijo para você também.

1
Raking hot
0  Gostei  

Meninas alguém sabe me dizer sobre o livro 03 dessa trilogia?

1
Raking hot
0  Gostei  

Patricia, o terceiro é BURN - FOGO. AINDA SEM DATA DE LANÇAMENTO.

1
Raking hot
0  Gostei  

Olha, tenho que dar minhas mãos á palmatória p/ Brooke. Excelentes comentários. Eu precisava ver isso...

1
Raking hot
0  Gostei  

AGORA tem lugar especial para SPOILER!!!!! Você vê esta frase porque não tem spoiler, mas se eu quiser posso esconder meu texto, para você ler tem que clicar aqui: ESSE TEXTO SÓ PASSANDO O MOUSE CONSEGUE ENXERGAR!.

1
Raking hot
0  Gostei  

Caraca eu ia ler o livro, mas ante tais comentários sobre a trama, principalmente os comentários da Brooke, não vou ler mais. O estilo realmente me soa repgnante. Eu curto algo que envolva apologia ao abuso sexual, onde ainda sim eu possa ver amor e arrependimento, dois sentimentos humanos; o conteúdo desse livro não é exatamente isso. Não quero ler sobre um casal mal resolvido e nem sobre pessoas que aceitam se submeterem a coisas extremamente humilhantes! Bom, ainda bem que li os comentários piscada

1
Raking hot
0  Gostei  

O livro só tem sexo e nenhum romance! Em alguns trechos e bizarro! Não recomendo!

5
Raking hot
1 Gostei  

Brooke meu bem, vc está catastrófica ( tudo de bem ...rsrsrsr) um grande beijo para vc. alegre

1
Raking hot
0  Gostei  

BROOKE, EU LI SEUS COMENTÁRIOS. GOSTO DA MANEIRA COMO VOCÊ EXPÕE SUAS OPINIÕES INDEPENDENTEMENTE DA MINHA PRÓPRIA, POIS VOCÊ TEM CLAREZA DE IDEIAS. EU NÃO LI O LIVRO, MAS GOSTEI DE ALGUNS LIVROS DA MAYA COMO OS DA SÉRIE AMOR E GRAVIDEZ E NO AMOR E NA GUERRA. ESSE EU NÃO TENHO INTERESSE EM LER, MAS ACHO QUE PRECISAMOS SIM USAR A LEITURA PARA REFLETIR E DISCUTIR IDEIAS. GOSTO DESSE SITE E ADMIRO TODAS NÓS, MENINAS!!!

1
Raking hot
0  Gostei  

Deus de misericórdia!!! Cris, minha flor, minha querida, graças a Deus, você está inteira! Não ria, mas você não tem idéia do tamanho da minha preocupação com você, quando vi os comentários que se seguiram aos meus. Já visualizava um milhão de situações!! E olha que tenho um repertório onde nem preciso usar da imaginação. Quando vi a forma como o que eu escrevi estava sendo interpretado, fiquei apavorada, achando que você tinha pensado o mesmo e já estava de encontro marcado com o sósia do Ted Bundy, é sério!! Fiz todo aquele esforço para ser compreendida, para não colocar em perigo as pessoas que poderiam ter uma interpretação de que o amor justifica e garante o embarque em qualquer relação e agora estou tranqüila porque você está bem.

1
Raking hot
0  Gostei  

Agradeço demais as meninas que mostraram algo que eu não tinha pensado antes, que é exatamente o poder da interpretação. Isso só demonstra o quanto precisamos umas das outras!! Vou ler outro livro da Maya, gostei da fluência com que ela escreve ( indicação da Ana Carla, beijo para você também, querida). Agora , Cris, você quis dizer que minhas idéias são “expostas”, ou “ impostas”? kkkkkkkk. Beijos para todas, agora meu coração ficou em paz.

1
Raking hot
0  Gostei  

O assunto é tão polêmico que me chamou a atenção para o livro. Então talvez eu acabe lendo para tirar minhas próprias conclusões. Já li outros dois livros da autora e ela é excelente, na minha opinião. Agora os seres humanos possuem outras particularidades que os outros animais não tem, nós sentimos solidão e cometemos suicídio. Tá na hora de todo mundo começar a acreditar no amor minha gente.

1
Raking hot
0  Gostei  

Concordo com Brooke. O livro e um lixo.

1
Raking hot
0  Gostei  

Leiam O inferno Ade Gabriel, de Sylvain Reinard, este sim, excelente!

3
Raking hot
0  Gostei  

Ok, foi de péssimo gosto a cena de Paris,fato! Porém... na minha opinião, a cena de Ménage à Trois do 2º livro foi bem pior, não precisava tanto, foi degradante para com os personagens centrais, fora esse episodio que acontece logo de inicio, o restante do livro é legal, melhor que o 1º, eu gostei. Fica a pergunta: Qual será a cena broxante do 3º livro???

1
Raking hot
0  Gostei  

Meninas eu acho que vocês precisam ser mais mente aberta. Em todos os blogs e grupos que eu pesquisei acerca desse livro os comentários são sempre positivos. Eu não acho ménage degradante, é apenas outra forma de obter prazer. O grande problema é que vocês leram o livro esperando corações e flores e sexo apenas mamãe papai. E a vida definitivamente não é assim. E isso não torna o livro nojento comparado com os outros.

1
Raking hot
0  Gostei  

Carla concordo que temos que respeitar estilos e opiniões. Li alguns livros da Maya, que por sinal escreve muito bem, porém algumas pessoas não se identifica com suas tramas (Os livros Eróticos)pois esperam mais,sentimentalidade e monogamia entre os personagens.O romantismo é ainda algo muito almejado e sexo é o complemento e infelizmente a autora é um pouco tendenciosa com relação às práticas sexuais abordadas.

1
Raking hot
0  Gostei  

Continuação. Porém não devemos condenar a autora pela sua obra. Realmente é uma questão de gosto.E gosto não se discute.

1
Raking hot
2 Gostei  

Concordo,Ana Carla. Não acho que as meninas "precisem ser mais mente aberta",como disse a Carla.Cada um precisa é ser o que realmente é,o que acha e o que se sente.Cada pessoa tem uma criação diferente, uma personalidade própria, suas peculiaridades e seu senso. Quem não gostou do livro tem todo e total direito de dizê-lo, assim como quem amou a obra; não podemos e nem devemos jamais podar nem tentar cercear isso.

1
Raking hot
0  Gostei  

E olha que não sou moralista,hein...Leio desde água com açúcar até contos pornôs. O fato é que a questão maior deve ser sempre o respeito a opinião alheia. É aquilo (adaptando a frase): "Posso não concordar com nenhuma das palavras que você disser, mas defenderei até a morte o seu direito de dizê-las."

1
Raking hot
0  Gostei  

Meninas, eu não queria entrar no debate,pois vai parecer que criei uma rixa pessoal com a autora e não quero deixar essa impressão. Mas depois das sábias manifestações da Ana Carla (beijo,Ana) e da Marina também tenho que me expressar. Carla, minha flor, acredito que antes de tudo, devemos respeitar a maneira como as pessoas pensam. Um leitor precisa ter senso crítico para a ideologia que o livro prega, pois todo livro trás uma idéia por trás. Quem leu “Mein Kampf “ do Hitler ( e eu li) vai lhe dizer que julgando o livro apenas como um editor , que ele é empolgante e muito bem escrito, como um livro deve ser, mas nós sabemos o que a ideologia pregada no livro trouxe de malefícios para a humanidade.

1
Raking hot
0  Gostei  

O que a maioria das meninas levantaram aqui foram observações de quem tem um senso crítico apurado. Mente aberta pode ser o inverso disso, muitas vezes, exatamente porque o mundo BDSM pintado nos livros não tem nada em comum com a verdadeira realidade do que acontece entre sádicos e perversos de verdade, pois o resultado de suas ações se multiplica todos os dias em casos de crime nas delegacias do mundo inteiro. Não tem nada de romântico nisso. È essa ilusão que deve nos preocupar, pois os jovens de hoje crescem pensando que amor e sexo são a mesma coisa. Quanto mais amor, melhor! E assim procuram uma serie de parceiros, mas não conhecem o que é o principal, que é a “intimidade” de uma relação a dois.

1
Raking hot
1 Gostei  

Vivemos em um mundo capitalista e as editoras seguem o fluxo, querem vender livros. Mas cabe ao leitor separar o que é um bom livro de amor e romance e o que é um livro bem escrito e empolgante de se ler, mas que aborda o tema de uma forma pejorativa e prejudicial para quem não tem maturidade de julgamento sobre a ideologia por trás do livro, e foi isso que debatemos aqui. Talvez os outros fóruns comentassem apenas sobre a qualidade do livro enquanto material editorial , não de seu potencial enquanto livro e essas meninas deram um show demonstrando que mais do que possuir uma mente aberta, são leitoras críticas,acima de tudo.

1
Raking hot
0  Gostei  

Todo mundo é moderninha nos livros, mas na vida real, não fez mais que mamãe e papai e olhe lá se fez.

1
Raking hot
0  Gostei  

Pago pra ver quem toparia fazer ou deixar seu marido ou namorado fazer as coisas que estão nesses livros eróticos. O maior problema das pessoas não é o fazer e sim se alguém descobrir o que vão falar de mim por ai!!

1
Raking hot
0  Gostei  

Meninas, cada vez mais me apaixono pelo site! E vocês são peças fundamentais, pois o conflito de opiniões nos proporciona conhecimento e amadurecimento. Um grande abraço para todas! alegre

1
Raking hot
0  Gostei  

Isso mesmo Ana Carlinha, debate democrático, sempre! Beijo.
Image


1
Raking hot
0  Gostei  

Brooke em que momento eu desrespeitei a opinião alheia ou a maneira como as pessoas pensam?? Só porque eu disse que as meninas precisam ser mais mente aberta?? Eu apenas dei a minha opinião sem ofender ninguém expondo o meu ponto de vista acerca desse livro e não retiro nenhuma palavra do que eu disse. Então é liberado vocês falarem horrores do livro, mas um simples comentário como o meu é tido como uma afronta à vossa opinião?? Vocês precisam rever os vossos conceitos

1
Raking hot
0  Gostei  

Acho que temos que respeitar as opiniões de todos,independente de gostarmos ou não do livro ou do autor.Todos nos temos pensamentos livres.

1
Raking hot
0  Gostei  

Bem, quanta polémica e filosofias, por norma acho os comentários importantes e construtivos mas vocês exageraram. Respeito quem o fez, mas peço que respeitem esta minha opinião e comentario, a maioria dos comentários foram completamente dispensáveis, a maioria mesmo. Que aborrecido!!!

1
Raking hot
0  Gostei  

index.php?threads/ wm trikot deutschland schwarz //wm-trikot-deutschland-schwarz.greatbyeight.net

1
Raking hot
0  Gostei  

O livro não é romance, como estamos acostumadas a ler, mas erotismo. Nesse aspecto, a Maya até que pegou leve com este livro. A série dela Sweet (são 6 livros de puro sexo) são chocantes. Mas, onde ela realmente deu asas (deu uma revoada completa) à imaginação é no livro "A mulher dos Colters"... Se vc não gosta de erotismo, passe longe da série sweet e deste livro. Esses livros fazem o Gabe ser um anjo dourado, uma verdadeira candura de pessoa.

1
Raking hot
0  Gostei  

Acabei de ler, meninas que livro é esse?! Parece mais um filme porno, a cena tão falada em Páris quase me fez acabar com a leitura ali MSM, é trágica, humilhante e me faz pensar se existem msm mulheres que se prestam a isso. Acho que pervertido não descreve o mocinho de forma alguma. A palavra é maníaco sexual. Rsrsrs Acho que não importa q a mocinha seja forte e decidida e mil vezes idiota como essa. O final não me convenceu. Não tenho nada contra quem gosta dessa coisa que rola no livro, acho q esse livro não deveria ser chamado de romance, talvez de um conto erotico, muito erotico sem emoção, puro sexo e tals. Quando eu li Cretino Irresistível achei que era puro erotismo e nada de romance mas lendo esse livro.... faz o outro parecer o mais romântico de todos. Simplesmente odiei. Vou precisar ler um romance bem florzinha para me recuperar rsrsrsrs

1
Raking hot
0  Gostei  

Continuando.... não tenho nada contra os tao falados , Ménage, mas da forma descrita no livro, pareceu mais um estupro, a idéia q foi passada é de um mocinho desequilibrado, fiquei com dó da mocinha, e com raiva por ela ter aceitado toda aquela humilhação, e estar sordindo no dia seguinte, oque salvaria o livro seria um tipo de revolta da parte da mocinha, oq não aconteceu o mocinho sofreu muito pouco. Pra mim o livro foi desgastante e não acrescentou nada de bom. Essa é minha opinião, acho q o livro seria uma boa leitura para quem gosta de ler romances frios e hot.

1
Raking hot
0  Gostei  

Estupro é a prática NÃO-CONSENSUAL do sexo, imposto por meio de violência ou grave ameaça.A títilo de informação, que sempre é bom e nunca é demais.

1
Raking hot
0  Gostei  

NOOOOOOOOOSSSAAAAA ! Outro livro-polêmica para " esquentar " as coisas por aqui. TÔ DENTROOOO, preciso ler rsssss Tá certo que não achei nada de especial em 50 TONS DE CINZA, mas essa bendita ( ou seria maldita ??? ) cena em Paris... Fui picada pela mosca da curiosidade, preciso saber o que rolou consensualmente lá que " é pior que ela ter transado com o cachorro ( au au ) do mocinho ", segundo um comentário aqui mesmo do livro. Vixeeee, minha imaginação está a mil ! Sinto que, enfim, poderei destituir do pódio de canalha-mor o RODRIGO/Coragem no meu desprezo eterno por mocinhos ( ????) desprezíveis, fracos e cafajestes.

1
Raking hot
2 Gostei  

Exageraram,não é nada pior que transar com cachorro,isso sim seria grotesco.É apenas uma cena que faz parte desse mundo dom/sub.Mas quem não estava acostumada,é natural q nao tenha gostado,simples assim.

3
Raking hot
0  Gostei  

Nossa fiquei chocada com cena de Paris e quando o irmão de Mia a pega com Gabe,quase parei de ler, mas como já tinha começado então terminei, É um livro bom, não excelente.

Comente livros de romance!
Senha: adororomances
Nome
Nota
Estilo
Use a tag [spoiler] Escreva seu texto aqui! [/spoiler] se contar algo importante sobre o livro!
Use a tag [img] Coloque a URL da IMAGEM aqui [/img] para colocar gifs animados nos comentários.
Comentário
Goweb | Web Design, Web Marketing, Soluções Web
www.goweb.pt